Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Exploração de petróleo projeta mais 8 mil empregos no Amazonas

 

Manaus - A entrada de novas empresas no setor de exploração de petróleo e gás e a expansão das atividades da Petrobras no Amazonas, pelo menos 8 mil vagas de emprego para o setor deverão ser abertas até o fim do ano.

Com esse movimento, a mão de obra torna-se cada vez mais valorizada, mas a falta de experiência profissional e a pouca oferta de capacitação são obstáculos para a colocação de mão de obra local.

A mais nova companhia de atividade petrolífera, HRT Oil & Gas, iniciou no último dia 21 de abril a perfuração do primeiro poço de óleo na bacia do Solimões e atualmente emprega 3 mil trabalhadores direta e indiretamente no Amazonas.

O gerente do Projeto Solimões da HRT, Eduardo Freitas, conta que a chegada de mais oito sondas vai exigir da empresa contratações em funções como engenheiros de petróleo, profissionais de planejamento e logística.

Essas atividades, segundo Freitas, estão sendo as mais difíceis de encontrar profissional qualificado com alguma especialização ou prática na área de petróleo e gás no Estado.

"Fizemos um recrutamento há dois meses para engenheiro de petróleo, 300 currículos foram enviados, mas nenhum selecionado era de Manaus", disse.

"A área de planejamento também está carente de pessoas com formação em petróleo e gás, estamos com duas ou três vagas em aberto para esses profissionais sem conseguir preenchê-las e estamos dando preferência às pessoas residentes em Manaus ou nos locais próximos às atividades da empresa, como Tefé, Carauari e Coari", afirma Freitas.

Empregados da Parente e Andrade, empresa que oferece mão de obra para a Petrobras e a HRT, ganham novas frentes de trabalho.

A expansão das atividades da HRT vai solicitar serviços de atividades portuárias, logística, locação de balsas, entre outros. Interessados devem ficar atentos aos editais que serão publicados pela HRT nos jornais recrutando colaboradores. O próximo edital deve ser publicado no final de julho com 30 vagas para atividades variadas, informou o gerente da companhia.

Com a chegada da HRT Oil & Gas no Estado o quadro de vagas da empresa de recrutamento e seleção Worktime aumentou 60% em relação ao ano passado, informou o gerente regional, Alexandre Viana. Segundo ele, as funções de técnico em logística, almoxarife, movimentação de cargas, técnicos de segurança do trabalho e engenheiros de todas as áreas (químico, produção, civil e mecânico) estão entre as vagas mais requisitadas pelas empresas de exploração de óleo e gás que atuam no Amazonas. "A questão é que muitos profissionais ainda estão em formação e sem experiência prática, o que acaba elevando o salário daqueles que possuem alguma experiência", afirmou.

Os salários iniciais médios variam de R$ 600, mais benefícios de periculosidade, para a função de movimentação de cargas e até R$ 1.900, para técnico em logística. De acordo com Viana, para engenheiros e outras funções que exigem graduação os salários iniciais ultrapassam R$ 5 mil e para aqueles que já possuem alguma especialização o salário é superior a R$ 10 mil. Os interessados podem enviar currículo para [email protected]

A empresa internacional Georadar Levantamentos Geofísicos venceu licitação e foi contratada pela Petrobras para realizar trabalhos de investigação sísmica nos municípios de Itacoatiara, Silves, Urucará, São Sebastião do Uatumã, Nhamundá e Itapiranga, no Amazonas. As operações terão início no final de junho e vão durar 17 meses.

A empresa divulgou que 1,5 mil empregados vão trabalhar na pesquisa de existência de bens minerais, petróleo ou gás e que cerca de 70% dos trabalhadores serão provenientes da região amazônica. A empresa não quis divulgar ainda as funções que serão requisitadas, mas geólogos, engenheiros e profissionais técnicos são algumas atividades fundamentais para a realização desse trabalho.

Portal D24am - 19/06/2011 - Beatriz Gomes .

Comente este artigo



Atualizar

CGG Rodapé
CPGEO