compressao-roaming
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

O diretor-presidente do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), Eduardo Ledsham disse que a empresa passará a ter um perfil fomentador do setor minerário. De acordo com ele, o CPRM vai trabalhar na customização de produtos, qualificação do portfólio de áreas e investindo na produtividade do corpo técnico para entregar resultados que mostrem a relevância da empresa para o governo e a sociedade.

“O conhecimento é a nossa força motriz”, disse Ledsham, na última quartafeira (31), em uma conversa com empregados e colaboradores na sede da empresa, em Brasília. O diretor-presidente falou sobre o trabalho de referência realizado em diversas áreas, citando como exemplos a recuperação ambiental na bacia carbonífera, em Santa Catarina, e o conhecimento adquirido em análises de qualidade da água pelo Laboratório de Análises Minerais (Lamin).

Segundo Ledsham, é preciso entregar resultados positivos para mostrar à sociedade a relevância da instituição em suas áreas de atuação. O diretor-presidente diz que, diante da restrição orçamentária, é preciso unir pragmatismo e criatividade para fazer “mais com menos, otimizando custos para aplicar de forma eficiente os recursos”, declarou.

O diretor-presidente do CPRM disse que tem se reunido semanalmente com o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, com o secretário Vicente Lôbo, e com Victor Bicca, diretor do DNPM, para construir uma agenda para o setor mineral brasileiro.

“Precisamos dar visibilidade e compartilhar o enorme volume de dados que produzimos e para isso é necessário nos comunicarmos melhor”, afirmou. De acordo com Ledsham, este é o momento para de definir diretrizes, metas e prioridades. Ele diz que o CPRM passará por um processo de reestruturação focando em planejamento estratégico como método desse processo. “Vamos redefinir procedimentos e normas buscando agilidade, porém, com instrumentos de controle e fiscalização”, disse.

No encontro com os empregados, Ledsham respondeu a perguntas e falou sobre o resultado do questionário que ele enviou para obter informações com o objetivo organizar o planejamento estratégico da empresa.

“O resultado é surpreendente e foi além das minhas expectativas, mostrando claramente que temos um ambiente favorável para mudanças,” afirmou Ledsham. As informações são do CPRM.

Notícias de Mineração - 05/09/2016

Comente este artigo



Atualizar

CGG Rodapé
CPGEO