compressao-roaming
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

A Petrobras realizou uma nova perfuração em Libra, no pré-sal da Bacia ade Santos. O poço de extensão 3-BRSA-1342i-RJS teve a perfuração iniciada em 14 de abril, pela sonda West Carina, e foi concluído no último domingo (17/4).

A perfuração ocorreu em lâmina d’água de 1.996 m e alcançou profundidade total de 2.849 m. Esta foi a terceira perfuração de investigação na área, sendo que os dois poços do tipo perfurados anteriormente (3-BRSA-1255i-RJS e 3-BRSA-1267i-RJS) precederem novas perfurações definitivas no bloco.

De acordo com a classificação da ANP, os poços de investigação visam conhecer os riscos geológicos rasos do prospecto, com o objetivo de obter informações sobre a perfuração do poço definitivo.

Atualmente, está sendo conduzido em Libra um plano de avaliação da descoberta (PAD), que prevê a perfuração de dois poços firmes e dois poços contingentes. A primeira perfuração firme do PAD foi o poço 3-BRSA-1322-RJS, que encontrou uma coluna de óleo de 301, e foi concluído na semana passada (12/4).

No momento, a Petrobras também está perfurando o poço 3-BRSA-1339A-RJS, uma repetição do 3-BRSA-1339-RJS, iniciada em 6 de fevereiro e concluído duas semanas depois, sem registros de indícios de óleo ou gás.

Procurada, a petroleira não informou até o fechamento desta matéria se pretende fazer uma nova perfuração definitiva a partir do poço 3-BRSA-1342i-RJS.

Petrobras expande campanha na área noroeste de Libra

A Petrobras iniciou a perfuração do poço 3-BRSA-1342-RJS, na área noroeste de Libra, no pré-sal da Bacia de Santos. O poço exploratório teve a perfuração iniciada na última quarta-feira (20/4), após a conclusão do poço investigativo 3-BRSA-1342i-RJS, que buscou coletar dados para o poço definitivo.

A perfuração é conduzida pela sonda West Carina, em lâmina d’água de 2.021 m. Na região noroeste também está sendo conduzida atualmente a perfuração do 3-BRSA-1339A-RJS. Além disso, também é nesta porção do bloco que está localizado o poço 3-BRSA-1305A-RJS, que registrou uma coluna de 270 m durante a perfuração no ano passado e receberá um teste de formação a poço revestido (TFR).

No dia 12 de abril, a Petrobras concluiu a perfuração do 3-BRSA-1322-RJS, na área nordeste do bloco. O poço é o primeiro do plano de avaliação da descoberta (PAD) que atualmente está sendo conduzido na região e registrou uma coluna de 301 m de óleo, a maior desde o poço descobridor do reservatório de Libra.

O PAD de Libra prevê, ao todo, a perfuração de dois poços firmes e dois poços contingentes. Como compromissos firmes, também estão previstas a completação dos poços e a realização do TFR no 3-BRSA-1305A-RJS. Já os compromissos contingentes são a realização de TFRs nos quatro poços de avaliação, além da aquisição e processamento de 300 km² de dados 3D.

O consórcio de Libra é operado pela Petrobras (40%), em parceria com Total (20%), Shell (20%), CNPC (10%) e CNOOC (10%).

Brasil Energia Óleo e Gás - 25/04/2016

Comente este artigo



Atualizar

CGG Rodapé
CPGEO