logo

Navegue por tags

academia anp concurso divulgação divulgação científica exploração geociências geofísica geologia IAG-USP INPE meio ambiente mercado mineraçao pesquisa Petrobras petróleo pré-sal produção SBGF SEG sísmica sísmica terrestre tecnologia treinamento

+ All tags

Enquete

Qual data você escolheria​ para ser proclamada​ como o Dia Nacional do Geofísico?
 

Os coordenadores do projeto, professores Aristófanes Corrêa Silva e Anselmo Paiva, afirmaram ter muito orgulho da parceria com a Petrobras. "Este projeto nos coloca em um patamar de igualdade com outros Estados e o apoio da Petrobras foi fundamental para a realização de algo tão grandioso quanto o que está acontecendo aqui no Maranhão", destacou o professor Aristófanes. "A implantação de um ambiente de desenvolvimento e pesquisa focado no tema de computação aplicada vai ser um marco para o estado", afirmou o professor Anselmo Paiva.

O núcleo atua nas áreas de processamento de imagens e visão computacional, visualização e interação com dados complexos e sistemas de informações geográficas. Na infraestrutura, são desenvolvidas pesquisas na área de realidade virtual para visualização de dados de prospecção de petróleo e realidade aumentada sem marcadores para operação remota e inspeção de instalações industriais.
Com a inauguração, o núcleo passa a atuar ainda na visualização e processamento de dados sísmicos e visão computacional voltada para aplicações de análise ergonômica do trabalho e segurança da operação de equipamentos.

Além da UFMA, outras treze instituições integram a Rede Galileu, criada em 2006 – USP, UFRJ, Puc-Rio, Ufal, Ita, Inpe, LNCC, Inpa, UFC, UFPE, UFRGS, UFRN e Unicamp. Nesses seis anos, já foram investidos R$ 52 milhões em infraestrutura e R$ 37 milhões no Sistema Galileu, sistema computacional com performance em terra-escala com visualização 3D de alta resolução, em tempo real, para aplicação de mecânica computacional na industria de óleo, gás e energia. Esse sistema tem como objetivo a aplicação de software em um sistema de produção real para as áreas do pré-sal em águas ultraprofundas.

Além disso, foram investidos R$ 23 milhões na Grade BR, grade de computação de alto desempenho (HPC) com quatro supercomputadores, com mais de 100 teraflops de capacidade total, instalada nas universidades âncora da Rede Galileu (UFRJ, USP, UFAL e PUC).

Agência Petrobras - 30/03/2012
 
Banner
Banner
Banner
Banner
banner Strataimage
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
banner Strataimage
Banner

Últimas notícias

  • Primeiros empresários que investiram no petróleo foram ridicularizados, diz livro
  • Tragetória do IG registrada em projeto
  • ...E a América do Sul se fez
  • Uma bússola para os tsunamis
  • Unipampa reabre concurso apenas para vaga de professor de Geofísica