Paradigm Campanha 02092015
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

A CPRM publicou no dia 4/12 o mapa geológico do Bloco Troia-Pedra Branca. A iniciativa teve a aprovação dos departamentos de Recursos Minerais e Geologia do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), por meio das divisões de Geologia Econômica e de Geologia Básica.

O mapa refere-se ao produto de integração geológica-geofísica de 27.000 km2 na região central do estado do Ceará, com distribuição atualizada dos principais recursos minerais da área e novas interpretações tectono-estratigráficas regionais. Este produto integra o projeto Troia-Pedra Branca, desenvolvido no âmbito do empreendimento Metalogenia das Províncias Minerais do Brasil, e financiado pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

Para o chefe de Projeto, Felipe Grandjean da Costa, o principal desafio durante a produção do mapa foi integrar produtos de escalas e temas distintos de forma a ter uma apresentação com leitura final facilitada para o usuário. O assistente de Produção, Edney Smith de Moraes Palheta, e o pesquisador em Geociências, João Luis Carneiro Naleto, também compõem a equipe responsável pela realização deste produto.

“O projeto foi concebido com intuito de atualizar a geologia do núcleo Arqueano-Paleoproterozoico de Troia-Pedra Branca, conhecido na literatura técnico-científica como o Maciço de Troia”, acrescentou Grandjean.

Este maciço representa uma importante exposição do embasamento Pré-Cambriano da Província Borborema, sendo portador de mineralizações de ouro, elementos do grupo da platina, ferro, grafita e manganês.

A versão preliminar do mapa foi concluída em 2014, após algumas adições, a publicação está acessível para download no site do GeoBank ou diretamente neste link

CPRM - 11/12/2015

Comente este artigo



Atualizar

CPGEO