Paradigm
Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Estudantes de geofísica poderão conversar com especialistas em geofísica aplicada à exploração mineral e de hidrocarbonetos e tirar dúvidas durante o 14º Congresso Internacional de Geofísica no estande da SBGf.

Dia 4 de agosto – terça-feira – 14h às 16h: Florivaldo Sena (Vale). Especialidade: Magnetometria, Gamaespectometria e Eletromagnetometria aplicados à exploração mineral.

Dia 5 de agosto  – quarta-feira – 10h às 12h: Julio Lyrio (Petrobras). Especialidade: Gravimetria e Magnetometria aplicados a exploração de O&G

Dia 5 de agosto  – quarta-feira – 14h às 16h: Eduardo Filpo (Petrobras). Especialidade: Tecnologia Sísmica, aplicados a exploração de O&G.

Dia 5 de agosto  – quinta-feira – 10h às 12h: Paulo de Tarso (Petrobras)Especialidade: Método Magnetotelúrico aplicados à exploração de O&G, Mineração e Estudos da Crosta

Saiba quem são eles

Florivaldo Sena

Geólogo e Mestre em Geofísica pela Universidade Federal da Bahia (1975). Geofísico especialista em Exploração Mineral, trabalhou na Vale do Rio Doce durante 36 anos no Brasil e na América Latina em programas de pesquisa de Metais base (Cu,Pb,Zn, Ni), Ouro, Fosfatos, Potássio e Diamante utilizando métodos elétricos, magnéticos, radiométricos, eletromagnéticos, gravimétricos e gradiométricos. Foi Diretor de Geofísica da Vicenza Mineração no período 2011 a 2013. É sócio fundador e foi tesoureiro da Sociedade Brasileira de Geofísica (SBGF) nos 2 primeiros mandatos. Possui experiência em Geofísica aplicada a exploração mineral utilizando os metodos elétricos, eletromagnéticos, magnéticos, gravimétricos, interpretação integrada utilizando sistemas GIS e Geosoft.

Julio Lyrio

Julio Lyrio concluiu graduação em geologia com especialização em geofísica na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 1985. Após um ano trabalhando com geofísica na iniciativa privada, foi contratado pela Petrobras onde vem trabalhando com interpretação de dados de gravimetria e magnetometria desde então. Em 2009, obteve o título de Ph. D. em geofísica pela Colorado School of Mines (EUA). Seus principais interesses de pesquisa são processamento, inversão e interpretação de dados de métodos não-sísmicos.

Eduardo Filpo

Possui graduação em Geologia pelo Instituto de Geociencias da Universidade de São Paulo (1983), doutorado em Geofísica pela Universidade Federal da Bahia(2002) e pós-doutorado pela Center for the Wave Phenomena - Colorado School of Mines(2008). Filpo atua como consultor sênior em Geofísica no setor de Exploração e Produção, na sede da Petrobras, no Rio de Janeiro. Ele iniciou sua carreira na mesma empresa em 1985 como supervisor de aquisição sísmica terrestre. Posteriormente trabalhou em processamento, foi instrutor, desenvolvedor e gerente de tecnologia geofísica.

Paulo de Tarso

Paulo T. L. Menezes received a B.S. (1986) in geology from Rio de Janeiro State University, Brazil, an M.S. (1990) in geophysics from the Federal University of Pará, Brazil, and a Ph.D. (1996) in geophysics from the National Observatory of Rio de Janeiro. In 1996–1997, he worked as a consultant at Geomag Aerolevantamentos Ltda. Since 1997, he has been a professor at Rio de Janeiro State University. He also works as a geophysicist at Petrobras. His research interests include interpretation of potential-field, seismic, and electromagnetic data. He is a member of SEG, EAGE, and the Brazilian Geophysical Society.

SBGf

Comente este artigo



Atualizar

CPGEO