logo

Navegue por tags

academia aquisição concurso congressos divulgação divulgação científica empregos ensino exploração EXPOGEF 2009 geociências geologia IAG-USP mercado mineraçao pesquisa Petrobras petróleo pré-sal press-release promoção SBGF SEG sísmica tecnologia

+ All tags

Enquete

Você acredita que o livro digital (e-book) pode suplantar o livro em sua forma tradicional impressa?
  A Expoforest 2011 - Feira Florestal Brasileira, que será realizada de 13 a 15 de abril, em Mogi Guaçu (SP), vai contar com uma nova tecnologia que promete ser uma importante ferramenta para o monitoramento de áreas plantadas. O SoftDrone HMP I, um veículo aéreo não tripulado que pode ser programado para executar missões totalmente autônomas ou controladas por rádio, vai ser apresentado aos visitantes e expositores da feira pela paranaense Softmapping. A empresa atua nas áreas de mapeamentos para o setor energético, censos florestais, cadastramento urbano, sensoriamento remoto, consultoria na área de Engenharia Cartográfica e Florestal, captura de fotos e vídeos aéreos para inspeção técnica na área ambiental.

De acordo com o diretor técnico e comercial da Softmapping, Marcio Polanski, nos últimos três anos a empresa investiu em inovação tecnológica para oferecer uma nova solução aos clientes. Em 2010, a Softmapping registrou um crescimento de 5% em relação aos anos anteriores. "Conseguimos finalizar com sucesso grandes projetos para duas empresas do setor de papel e celulose. Além disso, realizamos um mapeamento na província de Machipanda, em Moçambique", conta o diretor. Segundo Polanski, foi esse projeto no exterior que motivou a empresa a concluir e implantar o veículo aéreo não tripulado para uso em mapeamento no mercado brasileiro. "Nossas perspectivas para este ano são grandes por conta da infinidade de aplicações do novo equipamento. Pretendemos fechar contratos que permitam maior projeção no mercado da geotecnologia", afirma.

Em relação à Expoforest 2011, a expectativa da Softmapping é grande: "sabemos que as maiores e mais expressivas empresas do setor de base florestal estarão presentes e a nossa empresa estará entre elas", afirma. O que levou à participação na feira foi a forma como ela foi planejada. "A dinâmica numa feira é o que realmente chama a atenção e, acima de tudo, incentiva os participantes a mostrar seus produtos", completa. O evento será o primeiro do setor florestal de forma dinâmica na América Latina, onde será possível ver equipamentos e máquinas em operação dentro de uma floresta clonal de eucalipto de 118 hectares.

Ingressos

Até o dia 28 de fevereiro, os ingressos para a Expoforest 2011 - Feira Florestal Brasileira estão com desconto: o valor para profissionais é de R$ 40 para um dia visitação e R$ 60 para todos os dias. Após essa data, os valores passam para R$ 60 e R$ 80, respectivamente. Estudantes com comprovação pagam meia-entrada, mas também com a alteração de preço a partir de março.

Expoforest 2011, de 13 a 15 de abril de 2011,das 9h às 17h, no Horto Florestal Mogi Guaçu, São Paulo, Brasil.

Eventos simultâneos

  • II Semana Florestal Brasileira
  • XVI Seminário de Atualização sobre Sistemas de Colheita de Madeira e Transporte Florestal
  • II Encontro Brasileiro de Silvicultura 5º Simpósio Sul-Americano Sobre Controle de Incêndios Florestais, dias 11 e 12 de abril, no Royal Palm Campinas - Av. Royal Palm Plaza, nº 277 - Jd Nova Califórnia Campinas, São Paulo, Brasil. |

Informações no site ou pelo telefone (+55 41) 3049-7888].

Portal Fator Brasil, 03-02-2011